Basquete

 

Difícil falar desse esporte porque até hoje foi o único que realmente me emocinou, motivou, me fez rir e chorar, me deu muitos amigos e por incrível, mas muito incrível mesmo, me prendeu nas quadras por quase 9 anos.
Eu sofri com a Hortência, dei aquela respiradinha sofrida pro lance livre entrar, sofri mais ainda com a Janete correndo sozinha porque o time era meia boca e até hoje pago pau pro Marcelinho.
Já dormi em ônibus indo jogar, em ginásio frio, chorei por ter perdido final de campeonato, ri demais ensaiando torcida pro time masculino, organizei campeonato só pra poder competir, apanhei e bati pra caramba (basquete é um esporte violento hehe), não passei uma semana desse tempo todo sem pelo menos uma tala em um dos dedos da mão e tudo isso e muito mais e foi simplesmente sensacional.
Uma das minhas maiores saudades.
Mas é fato, e triste, que se profissionalizar em um esporte não é fácil. Para a brincadeira de criança virar dinheiro é preciso dinheiro e tempo, ou então só resta mesmo seguir a crença de toda mãe e estudar. Foi aí que eu …parei.

Primeira aula: eu não lembro da primeira aula, mas, basicamente, praticar um esporte de “time contra time” sempre requer  uma dedicação especial. Há muita atenção pro preparo físico, a parte “fora da quadra”, com malhação, corrida e tiros e alongamento. Depois a parte de treinamento em si, com bola, passe, defesa, ataque, habilidade, para só depois partir pra parte mais divertida, que é o jogo entre o time. Porém, jogo entre o time não leva time nenhum a vitória, só com os amistosos e campeonatos que é possível desenvolver o time e torna-lo vitorioso.
A grande sacada é a competição, treinar por treinar não tem muita graça e deve ser por isso que eu parei tudo que não envolve isso. Competir é sensacional, vencer mais ainda, mas a disputa sempre me pareceu muito charmosa. A derrota amarga, principalmente aquelas em que o placar batia 68×66, por exemplo.

Pontos fortes: todos os possíveis, ter a cultura de prática de um esporte garante um corpo mais preparado e saudável, principalmente quando a gente começa desde criança. A competição em si é um ensinamento muito valioso, aprende-se a ganhar, perder e reconhecer os próprios erros e limitações.

Pontos fracos: requer bastante dedicação, machuca e utimamente vejo um declínio de times femininos. Entre os meninos sempre foi mais popular.

Onde fazer: aí é que tá o problema, se você começa nos times de escolas e clubes é mais fácil. Não é comum aos 20 e poucos anos você decidir que quer fazer basquete e começar a fazer, tipo “boxe”. Com esta idade você vai encontrar uma moçada letrada no que faz e vai sofrer, se é o seu caso, aconselho você começar uma brincadeira descontraída com amigos próximos. Se você faz e parou, como eu, também vai sofrer. Times feminos, pelo menos em Curitiba são bem restritos e você deverá passar pelas famosas”peneiras” para entrar no time, da mesma forma com os meninos, mas há bem mais escolinhas e times de basquete masculino.

Quanto custa: não faço a mínima idéia, nunca paguei pra jogar, mas deve custar no mínimo a mensalidade de sócio do clube, ou o custo do treinador “raxado” entre todos os jogadores.

 

P.s: to tentando formar um time de basquete feminino, se você tem  a partir de 16/17 anos, mora em Curitiba e gostaria de jogar, acha que sabe jogar (basquete não é vôlei) deixa um comentário ou me manda e-mail.

4 respostas para Basquete

  1. caioccino disse:

    Putz, alguém que sabe o que é basquete de verdade, que dormiu em ônibus e apanhou de verdade. Dá uma olhada na categoria Bola, no Caioccino. Espero que goste.

  2. Flavio Ferreira de Souza disse:

    Vida, Sonho Meta que se pode alcançar, basta querer.

  3. carlos disse:

    eu to querendo treinar e entrar pra algum time de basquete mas num encontro tenho 16 anos e morro na região norte de curitiba

  4. Las disse:

    Boa tarde,

    Joguei basquete muitos anos, depiis parei, agora estou procurando um time para jogar (por lazer), à noite (após as 18:30 hs.), se alguém sobre de algum grupo que constuma jogar, favor entrar em contato pelo e-mail.

    PS: (basquete feminino).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: